Posso guardar a amostra para o exame de fezes na geladeira? - Laboratório Verner Willrich

17.09.2018 | por

Posso guardar a amostra para o exame de fezes na geladeira?

Posso guardar a amostra para o exame de fezes na geladeira?

O exame de fezes é indicado para avaliar uma série de atributos da saúde. Assim, ele é capaz de verificar tanto as funções digestivas, quanto a quantidade de gordura nas fezes ou até mesmo avaliar a presença de ovos de parasitas. Existem ainda diversas outras abordagens para esse tipo de exame. Mas qual a melhor maneira de conservar o exame até levá-lo ao laboratório?

É indicado guardar o exame de fezes na geladeira?

Pela diversidade das finalidades do exame de fezes, o ideal é que o laboratório em questão indique a melhor maneira de conservar o exame. Por isso, as recomendações irão variar de acordo com as diferentes finalidades da análise médica. Assim, o material pode ser guardado, levando em consideração a indicação do laboratório.

Por exemplo, se o exame for protoparasitológico de três dias, utilizado para verificar a presença de vermes ou outros microorganismos, a recomendação convencional é guardar as fezes na geladeira sem congelar, após a coleta. Dessa forma, é fundamental que esse tempo de três dias não seja ultrapassado. No caso de exame de fezes para pesquisa de sangue oculto, é necessário que se instale na geladeira em, no máximo, um dia após a coleta.

Por outro lado, graças a tecnologia, já se pode fazer a coleta e deixar por até 30 dias em temperatura ambiente, esse é o caso de quem faz as coletas com o LabVW. Isso é possível porque o frasco de coleta vem com conservante que mantém a amostra em condições de análise durante esse período.  Consulte essa opção quando for escolher seu laboratório.

Principais tipos de exames de fezes

É importante estar atento aos principais tipos de exames de fezes e seus respectivos cuidados na hora de conservar o resíduo. Ainda assim, é importante reafirmar as considerações com o laboratório em questão. Veja:

Pesquisa de sangue oculto

Nesse caso, as fezes devem ser enviadas ao laboratório, no máximo, até o dia seguinte da coleta, sendo necessário conservá-las na geladeira. Se houver sangramento anal, nasal ou sangramento na gengiva, o exame deve ser evitado.

Exame de fezes parasitológico

Destinado à pesquisa de parasitas e protozoários, esse exame identifica vermes intestinais presentes nas fezes. Para realizar o exame, não é aconselhável o uso de laxantes ou supositórios antes da coleta e o recipiente deve ser mantido na geladeira por até três dias em uma coleta convencional. Nas coletas realizadas pelo LabVW não é necessário guardar na geladeira.

Pesquisa de Rota Vírus

Para a pesquisa de Rota Vírus, a preferência da coleta é que as fezes estejam em estado líquido. Assim, é necessário colhê-las a qualquer momento do dia e levar ao laboratório em, no máximo, uma hora.

Exame de fezes Coprocultura

No exame de fezes Coprocultura, as fezes devem ser colocadas em um recipiente adequado e enviadas ao laboratório até 24 horas após a coleta. O ideal é conservá-las na geladeira durante esse período. Também não é aconselhável o uso de laxantes.

Como deve ser realizada a coleta?

É muito importante que as fezes sejam coletadas com exímio cuidado para que não haja contaminação com urina ou água do vaso sanitário. Para o momento da coleta, é fundamental seguir algumas recomendações:

 

  • para a evacuação, é importante que seja feito em um penico ou em uma folha de papel branco, colocada no chão do banheiro;
  • é possível coletar as fezes por meio de uma sacola plástica esterilizada, que irá revestir o vaso sanitário e permitir a evacuação normal. Isso facilita a coleta e evita contaminações, além de ser bastante útil para pessoas com mobilidade reduzida, impedidas de se agacharem para evacuar;
  • após a defecação, uma pequena quantidade de fezes deve ser coletada com uma pazinha, que virá junto com o recipiente, a fim de colocá-la dentro do frasco;
  • antes de levá-la ao laboratório, é importante certificar-se do período que deve estar na geladeira e identificar o nome com uma etiqueta;
  • o procedimento deve ser feito da mesma forma para bebês, crianças e adultos. Quando o paciente fizer uso de fraldas, a coleta deve ser feita logo após a evacuação;

Na hora de escolher o seu laboratório certifique-se você pode contar com o auxílio da equipe de profissionais. Assim, caso você tenha dúvidas entre em contato com o laboratório que poderá te dar informações complementares e indicadas especificamente para seu exame.

Falar pelo WhatsApp