Sua imunidade está baixa? Identifique e fortaleça a imunidade - Lab VW


Publicado em 17/06/2020 - Atualizado 26/06/2020

Sua imunidade está baixa? Saiba identificar e fortalecer a imunidade

Sua imunidade está baixa? Saiba identificar e fortalecer a imunidade

Você tem pego resfriados constantes, ou costuma ter infecções recorrentes? Isso pode ser imunidade baixa. O nosso corpo necessita de alguns cuidados, ainda mais durante este período de pandemia do COVID-19. Portanto, neste artigo, você saberá como funciona o sistema imunológico, como identificar se sua imunidade está baixa, e também receberá algumas dicas de como fortalecer a saúde do seu organismo. Confira:

O que é imunidade?

Primeiro, é importante você entender o que é a imunidade e como ela funciona. De uma maneira simplificada, o sistema imunológico é uma defesa do organismo contra agentes infecciosos, formado por um conjunto de células, órgãos e tecidos que são responsáveis por proteger o nosso corpo contra vírus, bactérias, fungos e demais microorganismos.

Como identificar se minha imunidade está baixa?

Quando o seu sistema imunológico não está preparado para combater agentes infecciosos – ou seja, quando sua imunidade está baixa – o seu organismo dá sinais de alerta. Infecções recorrentes podem aparecer, como amigdalite; gripes e resfriados constantes; náuseas e vômitos; cansaço excessivo; febre e calafrios; entre outros sintomas.

O que pode causar a imunidade baixa?

São diversos os fatores que podem afetar as suas células de defesa. As principais são doenças crônicas, como câncer, HIV, lúpus e diabetes; o uso de medicamentos imunossupressores, corticoides ou antibióticos; alto nível de estresse e ansiedade; e também fatores relacionados com os hábitos de vida, como falta de atividade física, alimentação pouco saudável, falta de sono, etc.

No entanto, existem algumas atitudes que você mesmo pode fazer para fortalecer a sua imunidade – ou ao menos impedir que algumas infecções e gripes aconteçam. Veja, em seguida, algumas dicas que preparamos para você:

Primeira dica: durma bem

Essa é uma sugestão primordial e que deveria ser regra na sua vida. A privação de sono pode abaixar a sua imunidade, isso porque o nosso corpo precisa entre 6 a 8 horas para repor as energias e trabalhar de forma correta. Quando você dorme pouco em uma noite, ou então fica sem dormir, não nota que se sente mal no outro dia, além de ter muito sono? Agora pense nisso multiplicado por todas as noites que você não dorme bem. Não tem corpo que aguente!

Segunda dica: beba bastante água

Essa é outra dica que você pode cumprir facilmente. A ingestão de água retira o excesso de impurezas que existe em nosso organismo, além de prevenir doenças. De acordo com o Guia Alimentar da População Brasileira, do Ministério da Saúde, o recomendado é beber no mínimo dois litros de água por dia (no entanto, esse número depende muito da idade que a pessoa tiver). Portanto, não beba água somente quando estiver com sede: opte por ter uma garrafinha sempre ao seu lado.

Terceira dica: alivie o estresse e ansiedade

Essa é uma dica que nem sempre pode ser seguida à risca, afinal, somos seres complexos e que reagem de formas diferentes de acordo com as situações do nosso cotidiano. Quando você fica tenso(a), as células do seu corpo não funcionam de maneira correta, o que dá espaço para o surgimento de doenças. Essa tensão demasiada pode aumentar o nível de estresse e causar ansiedade, portanto, fique de olho em sua saúde mental. Procurar ajuda psicológica é fundamental nesses casos.

Quarta dica: faça exercícios físicos

Você já deve ter ouvido essa dica do seu médico ou de algum familiar. Mas saiba que sim, a prática de atividades físicas ajuda a manter a imunidade lá em cima, porque melhora o funcionamento da circulação sanguínea e ajuda as células do sistema imunológico a circularem pelo seu organismo. O ideal é você encontrar uma atividade ideal para o seu perfil: caminhadas, corridas, dança, futebol, musculação, yoga, vôlei… as opções são diversas!

Quinta dica: tenha uma alimentação rica em vitaminas

Chegamos em nossa última dica. Comer bem é uma ótima alternativa para aumentar a imunidade. E comer bem significa ter uma alimentação balanceada e saudável. As vitaminas são essenciais para fortalecer o nosso sistema imunológico, principalmente a vitamina C e D. Portanto, procure alimentos saudáveis e evite o excesso de frituras e gorduras.

Este foi o nosso artigo sobre como fortalecer a imunidade. Essas dicas são importantes para todos os períodos da sua vida, mas atente-se ainda mais durante a pandemia do coronavírus que estamos passando. Lembre-se que a avaliação de um especialista, assim como a realização de exames, é fundamental para manter a saúde em dia e ter constatações concretas sobre o seu sistema imunológico. Portanto, faça consultas regularmente com seu médico de confiança.

Fique de olho em nosso blog para mais conteúdos como este. Até a próxima!

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.