O que comer antes e depois de treinar?

Por: - Farmacêutica Bioquímica - CRF-SC 3380
Publicado em 01/06/2019

O que comer antes e depois de treinar?

A busca por uma boa qualidade de vida tem atraído cada vez mais pessoas para academias, centros de treinamento funcional e outras práticas de exercícios físicos.

Porém, alcançar os melhores resultados, tanto para a saúde quanto para a estética, não depende apenas de um treino intenso, mas também, da ingestão correta de alimentos antes e depois de treinar.

Ouça este conteúdo: 

 

De acordo com nutricionistas, o sucesso de um exercício físico depende, diretamente, do que comemos. Isso porque a alimentação adequada funciona como um combustível, que dará a energia necessária para evitar quedas de pressão, vômitos e outros males durante o treino.

Além disso, a alimentação pode ajudar sim na perda de peso. É preciso ter um cuidado especial nas refeições pós-treinos, pois, em muitos casos, não eliminamos a gordura desejada porque não seguimos a dieta corretamente.

Aqui vão algumas dicas dos alimentos que você pode ingerir antes e depois de treinar!

Alimentos pré-treino: a fonte de energia

Os alimentos mais indicados para comer antes de treinar são os com baixa glicemia, como carboidratos integrais, combinados com alguma fonte de proteína. Esses nutrientes são ótimos para dar a energia necessária para você correr, malhar e praticar esportes. Os carboidratos são indicados como pré-treino para qualquer atividade, seja ela aeróbica (indicada para perder peso) ou anaeróbica (realizada por quem quer ganhar músculos).

No caso das proteínas, a ingestão desse nutriente antes de treinar fornece os aminoácidos necessários para a recuperação muscular, logo depois de terminar o treino. Por esse motivo, as proteínas são muito consumidas por pessoas que têm a intenção de ganhar massa!

Assim, como exemplo de uma boa refeição com carboidratos pré-treino, temos:

  • Pão de forma integral;
  • Batata-doce;
  • Mandioca;
  • Torradas;
  • Aveia.

Esses alimentos podem ser combinados com as seguintes proteínas:

  • Ovos;
  • Frango;
  • Peixe;
  • Atum;
  • Laticínios.

O recomendável é se alimentar até uma hora e meia antes do treino, em porções pequenas. No caso de refeições principais, como almoço ou jantar, o ideal é esperar até 3 horas antes de praticar exercícios.

Alimentos pós-treino: a recuperação da energia

Depois de treinar, correr e malhar, o ideal é recuperar o estoque de energia do nosso corpo, especialmente, dos músculos. Por isso, recomenda-se caprichar nas proteínas! Afinal, é o momento em que mais precisamos desse nutriente para a regeneração muscular.

Os carboidratos simples e de fácil digestão (como a batata-doce e a tapioca) também podem ser combinados com as proteínas no pós-treino. Outra opção muito boa para comer depois de treinar são as oleaginosas, como castanhas, nozes e macadâmia.

A alimentação pós-treino deve ser feita no intervalo entre 30 minutos a duas horas, findada a atividade física. Como sugestão de cardápio:

  • Sanduíche com pão de forma integral (2 fatias), recheado com frango desfiado (2 colheres) e maionese light + suco de frutas natural, sem açúcar.
  • 100g de purê de batata doce + 1 filé de frango grelhado + salada à vontade.

E os suplementos?

Quem faz academia certamente já deve ter se perguntado sobre os suplementos, como o whey protein.

Os suplementos atuam como substitutos das refeições, sendo indicados para o pós-treino. De rápida absorção, devido à leveza das moléculas, o suplemento à base de proteína mais indicado é o hidrolisado, que além de recuperar os nutrientes perdidos, ajuda no ganho de massa muscular.

Check-up é a chave para acompanhar a performance

Se você já pratica esportes é importante, também, estar atento aos seus índices corporais, por meio de exames clínicos. Para contribuir com os praticantes, o LabVW oferece um check-up esportivo personalizado. Assim, é possível verificar como a alimentação está influenciando na saúde do organismo.

O check-up esportivo pode ser realizado nas unidades LabVW de Brusque, Blumenau, São João Batista e Nova Trento, por ordem de chegada, ou agendando uma coleta móvel em seu trabalho ou casa.

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.

Material escrito por:
Farmacêutica Bioquímica - CRF-SC 3380

Adriana Helena Sedrez é farmacêutica bioquímica especialista em Microbiologia Clínica pela PUC-PR. Na LabVW, Adriana coordena o setor de Hematologia Clínica, é gerente de Recursos Humanos e responsável pelo Atendimento ao Cliente.

Veja também: